Sabe os jogos de dança estrelando grandes nomes da música como “The Michael Jackson Experience” ou “The Black Eyed Peas Experience”? Pois bem, estava em produção um jogo de Kinect (que iria sair para Wii e Move – PS3 também) estrelando Beyoncé, o Starpower: Beyoncé. A empresa Gate Five, responsável pelo jogo, relatou que a cantora saiu abruptamente do trabalho, fazendo com que perdessem US$ 7 milhões de investimento.

Um juiz da Corte Suprema de Manhattan rejeitou o pedido de Beyoncé para suspender a ação que a Gate Five move contra ela, em que o processo pede indenização de módicos US$ 100 milhões. A empresa afirma que a cantora destruiu seus negócios, enquanto os advogados de Beyoncé dizem que ela apenas saiu do projeto depois que ele já tinha falido por falta de investimento.

Os advogados da cantora alegam que ela “tinha o direito” de desistir do projeto, pois a companhia teria sido incapaz de cumprir com suas obrigações contratuais. O juiz Ramos tomou a decisão de rejeitar o pedido da equipe de Beyoncé sem qualquer explicação, o que significa que ela terá que depôr nos tribunais.

Além de pedir indenização para cobrir os custos dos projetos, a Gate Five tenta conseguir uma liminar que impeça Beyoncé de trabalhar em qualquer jogo de computador no futuro. As informações são do Contact Music.

 

Via Terra e O Globo